A síndrome das pernas cansadas é uma patologia do sistema circulatório. Esta síndrome é devida a uma insuficiência na circulação de retorno, insuficiência venosa.

A insuficiência venosa causa dilatação das veias. Portanto, o sangue não flui o suficiente para cima, fica estagnado. O resultado é um vazamento ou exsudação de fluidos do interior das veias para o exterior, para os tecidos.

Os sintomas mais comuns da síndrome das pernas cansadas são os seguintes:

  • Dores musculares e cãibras
  • Peso e cansaço nas pernas
  • Sensação de dormência nas pernas à noite. Conhecida como parestesia noturna
  • Inchaço e edema
  • Comichão e dor
  • Varizes

Causas de pernas cansadas:

Se não agirmos desde o aparecimento dos primeiros sintomas, por ser uma patologia vascular, esta insuficiência venosa pode ter consequências graves. Entre as complicações mais graves encontramos a trombose.

As principais causas de pernas cansadas são destacadas:

  1. Incidência ocupacional, maus hábitos e estilo de vida sedentário

O estilo de vida pode afetar negativamente a circulação, causando inchaço e uma sensação de fadiga. Esses maus hábitos incluem:

  • Uma vida sedentária
  • A falta de exercícios que faz os músculos funcionarem ativando a circulação sanguínea
  • E trabalhar em pé ou sentado dificultando o retorno venoso.

 

 

  1. Idade e genética

Com o passar dos anos, a probabilidade de insuficiência venosa aumenta. Se adicionarmos genética familiar, o risco aumenta.

 

 

  1. Fatores hormonais

Com alterações hormonais, pode levar a uma maior retenção de líquidos. Isso comprime o sistema venoso reduzindo a circulação de retorno, iniciando o processo. Por sua vez, pode causar dor ou desconforto nas pernas.

 

  1. Nutrição inadequada

Uma dieta inadequada também afeta negativamente:

  • Um peso maior do que o recomendado ou com sobrepeso.
  • A ingestão elevada de sal ajuda a reter mais líquidos, afetando também o nível arterial (hipertensão). E por sua vez, leva a problemas cardíacos que em última análise, influenciam a circulação sanguínea.
  1. Temperatura muito alta

O calor elevado causa dilatação venosa que favorece a estagnação do sangue. E consequentemente, para a retenção de líquidos como comentamos anteriormente. Por isso, a sensação de peso e dor é mais intensa quando estamos em horários ou locais muito quentes.

 

  1. Fumar

O tabaco contém uma série de substâncias que atuam negativamente nas paredes das veias. E, além disso, as predispõe ao colapso das válvulas internas. Isso, no final, resulta em estagnação venosa, ou seja, insuficiência venosa.

 

Como melhorar a circulação e remediar pernas cansadas

Aqui estão algumas dicas sobre como melhorar a circulação e remediar pernas cansadas.

  • Alimentação saudável: Uma dieta saudável é essencial para melhorar a circulação. Para isso, é importante que seja uma dieta rica em fibras, evitar álcool, bebidas açucaradas e produtos industrializados.
  • Pratique exercícios: pelo menos 30 minutos por dia faça algum exercício ou caminhe para ativar e melhorar a circulação.
  • Ingestão de água: A ingestão correta de água é fundamental. Ao manter uma boa hidratação no corpo, o sangue é devidamente liquefeito, fazendo com que flua.
  • Evite o calor excessivo: Seja pela exposição a fogões, radiadores, cobertores elétricos ou por muito tempo ao sol.
  • Banhos de água fria: favorecem a circulação venosa e ajudam a relaxar os músculos.
  • Massagens drenantes: É aconselhável ajudar a ativar a circulação com massagens manuais ou pneumáticas.
  • Roupas e calçado largos: Recomenda-se não usar roupas justas para promover o retorno da circulação e calçado de cerca de 3 ou 4 cm maior
  • Colocar as pernas para cima: Elevar as pernas por 10 minutos por dia facilita a circulação venosa.

 

Tratamento da síndrome da perna cansada com pressoterapia

O uso da pressoterapia como sistema para tratar a síndrome das pernas cansadas é muito eficaz. Mesmo se for usado continuamente, pode eliminá-lo.

A pressoterapia acelera o sangue, facilitando o retorno venoso. E, por sua vez, melhora a eliminação da linfa exsudada pelas veias.

Descubra o equipamento de pressoterapia Ballancer® que oferecemos ao seu centro!

Ballancer Gold

Não encontrou o que procura?

| Fale connosco